fbpx

Mitos e Verdades sobre o Ensino Bilíngue

Mitos e Verdades
A busca pelo ensino que favoreça o aprendizado de uma língua estrangeira vem crescendo notavelmente nos últimos anos, sendo mais do que um diferencial, a aprendizagem de um segundo idioma tornou-se uma característica essencial na sociedade globalizada em que vivemos.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp

Mas o que é de fato uma escola bilíngue?

Escola bilíngue é aquela que promove o ensino da língua materna e estrangeira através de um currículo único, ou seja, um currículo que desenvolva suas competências em duas línguas. Neste modelo de instituição de ensino, o inglês não é aprendido apenas como uma nova disciplina. Em outras palavras, o mesmo é utilizado como uma ferramenta de comunicação em todos os âmbitos da rotina e do ambiente escolar, como por exemplo: nas aulas de Educação Física, Música, História, Geografia, Artes, etc.

Mas e na prática como isso acontece?

Inserir o ensino bilíngue demanda muito estudo, planejamento, uma série de mudanças e adequações no processo de ensino e aprendizagem. Na tentativa de normatizar as escolas que se denominam como bilíngue, o Conselho Nacional de Educação (CNE) aprovou as Diretrizes Nacionais para Educação Plurilingue no Brasil CNE/CEB nº 2/2020, 9 de julho de 2020). Assim, vamos compreender o que dizem as diretrizes..

Carga Horária e Organização

No que se diz a respeito à carga horária, o documento aponta que a segunda língua deve ser instruída na Educação infantil e no Ensino Fundamental com o mínimo de 30% e no máximo de 50% do tempo de ensino. Já no Ensino Médio o mínimo é de 20% com a possibilidade de que seja desenvolvido um itinerário formativo em outro idioma. Portanto, devido aos extremos encontrados nas escolas com dominação “Bilíngue” antes da formação das Diretrizes Nacionais Para Educação Plurilingue no Brasil, estas porcentagens esbarram com as diversas situações encontradas nas escolas. Algumas, por exemplo, ministram suas aulas com 100% do tempo de instrução em inglês, outras com apenas 10%. 

Ainda temos a nomenclatura de “Carga horária estendida em Língua Adicional”. Esta, por sua vez, corresponde às instituições que têm programas bilíngues, e que oferecem uma carga horária de no mínimo 3 horas semanais. Assim como as escolas bilíngues que têm disciplinas da base comum e da base diversificada ministradas também na segunda língua de instrução.

Avaliação e Formação

Ainda segundo as diretrizes, para ser um professor em uma escola bilíngue, é necessário uma graduação adequada para cada segmento de ensino. Disciplina de atuação (curso superior) e uma formação complementar em educação bilíngue, a qual precisa ter no mínimo 120 horas. Além disso, os educadores deverão provar a sua proficiência de nível mínimo B2, segundo o CEFR (Common European Framework for Languages). As escolas possuem o prazo de dois anos para apresentar os documentos que comprovam a formação docente de seus professores para os órgãos responsáveis.

Mitos e verdades

Nem toda escola bilíngue fala 100% do tempo em inglês com seus alunos! Vale lembrar que ao falarmos de escola bilíngue, temos uma grande variedade de modelos escolares, e que ainda há uma defasagem no quesito “avaliação de proficiência de professores”.

É verdade que adequações foram necessárias para garantir o ensino e aprendizagem de uma segunda língua! Mas, não devemos parar apenas no que dizem as diretrizes, projetos e as mais diferentes vivências que agregam e muito neste processo. Agora uma pergunta para reflexão: como pode uma escola que se denomina bilíngue não contar com a grande maioria de seus profissionais proficientes na segunda língua em questão?

E qual a relação do Colégio Básico com o ensino de uma língua estrangeira?

Aqui no Colégio contamos com profissionais capacitados para compartilhar a língua, como algo além de uma ferramenta comunicativa. Nossos professores da disciplina de inglês  possuem grandes vivências no exterior. E fazem o aprendizado ser oral, cultural e social, proporcionando uma imersão a um novo mundo!

Ou seja, os que ministram esta disciplina possuem as formações necessárias para o Ensino de Inglês, além de dominarem estratégias de Ensino voltado ao desenvolvimento da língua estrangeira.

Também contamos com uma carga horária diferenciada. Ensino na língua inglesa, 150 horas para a Educação Infantil e Ensino Fundamental Anos Iniciais, e 100 horas dedicadas no Ensino Fundamental Anos Finais.

Next Station e All Clear

Nosso material didático é extremamente imersivo na cultura aprendida. Utilizamos com os alunos do Infantil 5 até o 4º Ano o material “Next Station”, e o Material “All Clear” com o segmento dos Anos Finais, ambos da Editora Macmillan. Os mesmos apresentam aspectos do mundo real, envolvendo atividades significativas e tarefas linguísticas.

Portanto, nossos alunos e professores ficam entusiasmados ao explorarem uma diferente jornada a um novo mundo de possibilidades! O material “Next Station” conta também com o sistema de ensino através do CLIL. Sigla derivada do inglês que significa “Content and Language Integrated Learning” ou “ensino de idiomas integrado”, em português. Assim, esse método consiste no ensino de um segundo idioma por meio de outras disciplinas. Ou seja, ao desenvolverem atividades de outras áreas do conhecimento (História, Matemática, Geografia, Educação Física e Ciências), os alunos vivenciam e ampliam o contato com a língua inglesa. Tornando o aprendizado do segundo idioma mais natural e interessante. E não para por ai!

O “Next Station” explora  as metodologias STEAM, (science, technology, engineer, arts and math), ou em português, ciências, tecnologia, engenharia, artes e matemática, além de trabalhar as habilidades do século XXI como criatividade, empatia, e trabalho em grupo!

Por fim, para nós o inglês deve ser imersivo, divertido e natural, fazendo parte do dia a dia de nossos alunos e professores especialistas da área!

So, are you ready to learn some English with us?

Thaís Almeida Bergantin

Pedagoga, Psicopedagoga e Especialista em “Early Childhood Education”

Compartilhe:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp

É BÁSICO, É PARA A VIDA

Deixe seus dados abaixo para conhecer melhor o lugar que vai fazer do seu filho o protagonista de seu próprio aprendizado.

espere...